Versão OriginalVersão ClássicaMenu
Da Redação | quinta, 1 de fevereiro de 2018 - 17h51

Deputada Tereza Cristina debate financiamento agrícola na CNA

Participaram da mesa de debates o ministro da Agricultura, Blairo Maggi; aSecretária do Tesouro Nacional/ Ministério da Fazenda, Ana Paula Vescovi; e o Presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro
Uma das palestrantes foi a deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS) que apresentou uma visão do governo sobre o financiamento de crédito para o agronegócio em 2018 Uma das palestrantes foi a deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS) que apresentou uma visão do governo sobre o financiamento de crédito para o agronegócio em 2018 - Foto: Flavia Rabelo

A Confederação Nacional e Pecuária do Brasil (CNA), promoveu um importante debate, nesta quinta-feira (1), em Brasília, para falar sobre o financiamento para o agronegócio brasileiro. Nas últimas décadas, a participação do agronegócio no PIB do País, segurou a economia e assumiu papel relevante no desenvolvimento do setor.

Uma das palestrantes foi a deputada federal Tereza Cristina (DEM-MS) que apresentou uma visão do governo sobre o financiamento de crédito para o agronegócio em 2018. No painel, a parlamentar falou sobre o crédito rural que foi o tema central do evento. “Sabemos que a agricultura vem crescendo mais rápido que o resto da economia e que precisamos de fontes alternativas de financiamentos porque o crédito rural atende a pouco mais de 1/3 das necessidades. A verdade é que temos nos esforçado para tentar remover os entraves à captação de recursos externos para a agricultura, mas os resultados têm sido lentos”, disse.

Sobre os Certificados de Recebíveis do Agronegócio (CRA) em moeda estrangeira, que é um título de crédito de promessa de pagamento em dinheiro, emitido por Securitizadoras, a deputada explicou que a modalidade é muito utilizada em países como a Argentina, o Paraguai e o Canadá, mas no Brasil ainda depende de regulamentação.

“O Brasil é o segundo maior player da agricultura, mas ainda não tem acesso aos CRA em dólar. É uma briga que a gente vem travando há mais de três anos e que precisamos conquistar para trazer investidores lá de fora para investir no agronegócio brasileiro”.

Participaram da mesa de debates o ministro da Agricultura, Blairo Maggi; aSecretária do Tesouro Nacional/ Ministério da Fazenda, Ana Paula Vescovi; e o Presidente do BNDES, Paulo Rabello de Castro.

Frente Parlamentar da Agropecuária

Tereza Cristina irá assumir a presidência da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), maior bancada suprapartidária no Congresso Nacional. A posse da parlamentar e da nova Diretoria Executiva está marcada para o dia 20 de fevereiro, em Brasília. Entre os desafios, já em pauta, a deputada destacou a derrubada parcial dos vetos à lei feito pelo presidente Michel Temer ao Fundo de Assistência do Trabalhador Rural (Funrural).

Subir ao TopoVoltar
PlataformaSistemas para WebJornalismoVersão OriginalIr para Versão Clássica