Versão OriginalVersão ClássicaMenu
Da Redação | Terça, 12 de Setembro de 2017 - 15h35

Novo sedã Classe S da Mercedes traz inovações em equipamentos

Modelo com preço inicial de R$ 769,9 mil recebe motor V8 de 469 cv
Seu motor V8 biturbo produz 469 cavalos e consome 10% menos gasolina que o modelo anterior

O carro recebeu mudanças no design externo e interno e traz inovações em equipamentos, com destaque para um novo motor. O carro tem preço sugerido de R$ 769,9 mil, equivalente à versão S 560 L.

Seu motor V8 biturbo produz 469 cavalos e consome 10% menos gasolina que o modelo anterior. Para reduzir o consumo ocorre a desativação de quatro cilindros do novo V8 quando em uso moderado do acelerador. A transmissão é automática de nove marchas.

A Mercedes utilizou teclas sensíveis ao toque no volante, que reagem a movimentos de arrasto, como a tela de um smartphone. Esses botões permitem que o motorista controle todo o sistema de informação e entretenimento sem tirar as mãos do volante.

A central multimídia também pode ser operada por um touchpad no console central. A utilização do controle de velocidade de cruzeiro (piloto automático) e do Distronic (sistema que regula a distância dos veículos à frente) conta agora com ajustes diretamente no volante.

A lista de itens de segurança inclui assistência a ventos laterais, Attention Assist (que percebe desatenção ou sonolência) e Active Steering Assist, capaz de ajustar automaticamente a velocidade antes de curvas fechadas ou cruzamentos.

Além do S 560 L, a Mercedes também importa duas outras opções. A AMG S 63 4Matic, com tração integral, recebe motor V8 AMG 4.0 também com desativação de cilindros, mas produz 612 cv. Segundo a fabricante ele substitui um 5.5 V8 biturbo. O preço sugerido para o carro é de R$ 974,9 mil.


 

O outro, topo de linha, é o Mercedes-AMG S 65 L, que recebe um motor de 12 cilindros e 630 cv. O preço de tabela é de R$ 1.166.900.

Subir ao TopoVoltar
PlataformaSistemas para WebJornalismoVersão OriginalIr para Versão Clássica