Versão OriginalVersão ClássicaMenu
VARIEDADES

Ivete Sangalo pode ocupar o domingo na Globo, afirma colunista

A cantora de axé Ivete Sangalo estaria sendo considerada pelos dirigentes para ocupar um lugar de prestígio na emissora com um programa dominical Agência Estado | quarta, 27 de janeiro de 2021 - 08h35
Ivete Sangalo deu alguns detalhes sobre a relação com o marido durante a quarentena Ivete Sangalo deu alguns detalhes sobre a relação com o marido durante a quarentena - (Foto: Instagram / @ivetesangalo)

Desde o anúncio da saída de Fausto Silva da Rede Globo em 2022, ficou no ar o suspense de quem vai ocupar as tardes de domingo. O nome de Xuxa foi cogitado, mas a apresentadora já negou sua volta para a televisão. Outros nomes como Eliana, Marcos Mion, Rodrigo Faro e Celso Portiolli têm sido especulados, mas agora apareceu uma forte concorrente, segundo informações do colunista Fefito, do portal UOL. A cantora de axé Ivete Sangalo estaria sendo considerada pelos dirigentes para ocupar um lugar de prestígio na emissora com um programa dominical.

Esta não seria a estreia de Ivete na Globo, pois ela já comandou o Estação Globo entre 2004 e 2009 e também foi jurada do The Voice. A cantora tem carisma, grande público, e atrai publicidade, um perfil perfeito para o posto. Segundo o colunista, por enquanto são apenas conversas de bastidores e nada chegou a ser formalizado. A Globo ainda estaria desenhando a programação para 2022.

É possível que o esporte e o jornalismo ganhem mais espaço na programação de fim de semana e novos programas aconteçam por temporadas. Sendo assim, Ivete Sangalo e outros apresentadores poderiam entrar na grade da emissora. Luciano Huck também pode deixar a Globo para entrar para a política e seu lugar aos sábados seria assumido por Márcio Garcia.

A Globo ainda tem tempo para reformular sua programação e fazer novas contratações, já que o contrato com Fausto Silva vence somente em dezembro. Até lá, o apresentador segue no comando do Domingão do Faustão.

Veja Também

Mais Lidas

Subir ao Topo Voltar
PlataformaSistemas para WebJornalismoVersão OriginalIr para Versão Clássica