Versão OriginalVersão ClássicaMenu
aumento de cancer no ms

MS é o 6º com maior número de pessoas diagnosticadas com algum tipo de câncer

Houve um aumento de 1,8% se comparado com 2013 Da Redação | sábado, 21 de novembro de 2020 - 08h00
Pacientes passam por quimioterapia Pacientes passam por quimioterapia - (Foto: Tânia Rego/ABrasil)

A Pesquisa Nacional de Saúde (PNS) trouxe um levantamento de que 2,8% das pessoas de 18 anos ou mais, cerca de 55 mil adultos, tiveram o diagnóstico de câncer no Estado em 2019, tendo um aumento de 1,8% se comparado com 2013. Mato Grosso do Sul foi o sexto com maior índice de pacientes.

Mulheres foram maioria com 3,2% e homens, com 2,2% na quantidade de casos. Conforme aumentou o grupo de idade, aumentou a proporção de pessoas de 18 anos ou mais que já tiveram algum diagnóstico médico de câncer: 0,3% das pessoas de 18 a 29 anos, 1,6% das pessoas de 30 a 59 anos e, com os maiores patamares, mas estatisticamente equivalentes, 7,6% das pessoas de 60 a 64 anos, e de 6,9% das pessoas de 65 a 74 anos e 12,7% das pessoas com 75 anos ou mais.

Câncer bucal - Os últimos dados disponibilizados pelo Instituto Nacional de Câncer (Inca) apontam que, somente neste ano, 220 pessoas poderão ser acometidas com a doença no Estado. Em Campo Grande, a estimativa é de que 80 novos casos surgirão.

Ficando apenas atrás de Goiás, o Mato Grosso do Sul é o estado com maior incidência de câncer de cavidade oral da região Centro-Oeste. Entre o sexo masculino, o INCA avalia que em 2020 o MS figure em quinta colocação no ranking nacional de maior ocorrência do problema. Com 170 novos casos entre os homens, esse número representa 77% a mais que a incidência nas mulheres ou uma razão de 11,86 homens doentes a cada 100 mil habitantes.

Nacional - No Brasil, o tipo de câncer mais frequente é o de mama (26,8%), seguido por próstata (16,0%), colo de útero (11,6%) e melanoma (9,9%). O câncer de mama foi relatado por 43,5% das mulheres nos casos de câncer no primeiro diagnóstico, e o de colo de útero por 19,0% delas. Para os homens, o câncer de próstata foi relatado 41,4%.

 Por fim, a pesquisa estimou que 30,5% dos primeiros tipos de câncer diagnosticados entre pessoas de 18 a 29 anos foi o linfoma ou leucemia.

Veja Também

Mais Lidas

Subir ao Topo Voltar
PlataformaSistemas para WebJornalismoVersão OriginalIr para Versão Clássica