Versão OriginalVersão ClássicaMenu
SIGNIFICADO DAS CORES

Já sabe o que quer em 2021? Conheça o significado das cores para passar o réveillon

Segundo a cromoterapeuta Tecah Titton, as cores despertam sensações e atuam no nosso físico, emocional e no subconsciente, e por isso podem ser nossas grandes aliadas Hanelise Brito | terça, 29 de dezembro de 2020 - 11h30
Festas de fim de ano Festas de fim de ano - (Foto: Gabriel Monteiro)

Usar branco na festa de réveillon já é uma tradição, mas apostar em outras cores na roupa do dia da virada também pode ser uma boa opção para iniciar 2021 e apostar em combinação de cores pode ser uma eficiente estratégia para atrair boas vibrações. 

Segundo a cromoterapeuta Tecah Titton, as cores despertam sensações e atuam no nosso físico, emocional e no subconsciente, e por isso podem ser nossas grandes aliadas.   

Para escolher a cor da roupa usada na festa de ano novo, Tecah sugere que a cor deve ser aquela que melhor traduzir as suas intenções para o novo ano. “Cada cor possuí uma vibração e, por consequência, essa vibração ressoa em nós. Nenhuma cor deve ser abolida, mas também nenhuma cor deve ser usada em excesso”, comentou.  

A cromoterapeuta Tecah Titton

Pensando em te auxiliar nessa decisão, a cromoterapeuta separou os significados das cores para você acertar na escolha do look e atrair as energias necessárias para o início de um novo ano. Confira o significado das cores:

Branco - traz a sensação de paz e limpeza energética. Despertará a clareza em todos os sentidos, além do equilíbrio interior;

Amarelo - estimula nossa criatividade e nos possibilita um raciocínio rápido. Além disso, a cor tem o poder de despertar em nós sensações de alegria, otimismo e descontração. O amarelo também atrai a prosperidade;

Vermelho - é a cor da paixão, do desejo. Desperta nossa impulsividade, por isso muito cuidado com a cor vermelha em excesso, pois ela pode trazer a energia de brigas e confusões, por ser também uma cor excessivamente quente;

Laranja - é uma cor que traz energia, sucesso e espontaneidade. Ela ajudará a despertar novas ideias. Ajuda para que tenhamos atitudes positivas perante a vida. É a cor da coragem;

Verde - o verde é a cor da saúde, da esperança. Despertará em nós a renovação de ideias e atitudes. Traz a energia do recomeço;

Azul - é a cor da harmonia e da tranquilidade. Despertará nossa parte intelectual, estimulando nossa inteligência e serenidade. O azul deve ser combinado com outras cores, pois em excesso também nos traz apatia;

Rosa - é a cor do amor universal. Use essa cor na intenção de deixar fluir seus sentimentos e para que você expresse suas emoções de forma amorosa. É a cor da beleza, da delicadeza, do romantismo. Nos despertará para o companheirismo, a sociabilidade. Em excesso, porém, pode trazer ingenuidade e fraqueza;

Roxo ou violeta - traz consigo o mistério, a magia, é a cor da espiritualidade, da transmutação energética. Nos auxiliará nos processos de introspecção, mas também vai nos libertar dos medos. Em excesso, pode intensificar melancolia e tristeza;

Preto - em 2021 ela pode ajudar a finalizar trabalhos, questões e sentimentos, finalizar ciclos. Traz respeito e dignidade, mas em excesso desperta solidão e estimula ainda mais nosso isolamento interior, podendo trazer uma tristeza profunda;

Marrom/Tons terrosos - traz o conforto físico e uma segurança material. Usar esses tons nos trará ainda mais maturidade e auxiliará no sentimento de responsabilidade. 

Para continuar mantendo as boas vibrações durante o ano, a cromoterapeuta recomenda apostar em três cores. “Recomendo o amarelo, pois estimula a nossa criatividade. O cinza que despertará sensações de estabilidade, solidez e racionalidade, além de diminuir a ansiedade e o marrom, ou tons terrosos, que nos trarão solidez e nos ajudarão na materialização”, finalizou.

Quer sugerir uma pauta ou contar sua história para o Light? Mande a sugestão para o nosso e-mail: redacao.acritica@gmail.com, pelo nosso WhatsApp (67) 9 9974-5440 ou pelo direct de nosso Facebook ou Instagram.

Veja Também

Mais Lidas

Subir ao Topo Voltar
PlataformaSistemas para WebJornalismoVersão OriginalIr para Versão Clássica